Hoje faz três meses que Malta perdeu um de seus principais pontos turísticos.

A Azure Window, ou  Dwejra Window em maltês, era uma grande fenda que mais parecia com uma janela em meio a duas rochas. O local, esculpido pela erosão natural do vento e da água, teria sido agravado com o excesso de turistas que visitam o local. As autoridades já acompanhavam o local há alguns anos e alguns especialistas diziam que o elo que ligava as duas rochas desaparecia em aproximadamente 10 anos.

Peter Gatt - Times of Malta
Foto: Peter Gatt – Times of Malta

No entanto, há alguns dias daquela data, Malta sofria com fortes tempestades que deixaram o mar muito agitado (diria até que furioso) e a estrutura inteira (sim, ela todinha) colapsou e afundou no mar. O mais impressionante é que inclusive a rocha que, segundo as previsões, deveria permanecer isolada, ruiu e submergiu inteira.

untitled-1
Comparação G1 – Antes e Depois

Novas possibilidades

O local onde ficava a Azure Window ainda merece a sua visita. Além da paisagem incrível do lugar, o “Blue Hole” ou buraco azul, uma piscina natural maravilhosa naquelas cores azul-turquesa, típicas de Malta.

Além disso, toda a estrutura que colapsou no mar se transformou em um belo recife de corais. Se você curte mergulho, eu não pensaria duas vezes. Tem uma prévia neste vídeo aqui e nós já estamos com super vontade de conhecer.

“Nova” Azure Window

Não demorou muito e já encontraram uma “nova” janela azul. Chamada de Wied il-Mielah Window, ela está localizada à diagonal da antiga Dwejra.

 

Picture1
Fonte: Google Maps

 

E podemos dizer que ela é incrível também!

1-25
Fonte: Visit Gozo

 

 

Se você gostou, aproveite para ver o post sobre Gozo no Blog com dicas de outros lugares incríveis para conhecer!

 

Beijos

Ná e Gi