Como já falamos aqui no primeiro post do blog, Malta é um lugar para agradar todos os tipos de pessoas. Apesar de pequena, com um pouco mais de 300 km², a ilha conta com diversas atrações, praias e muita história.

Como nós moramos em Malta, fica um pouco difícil falar sobre roteiros para quem vai passar uma semana ou apenas alguns dias. Por isso, vamos tentar falar um pouco de tudo pra você poder montar seu roteiro da forma que achar melhor.

Cultura

Valetta (Reserve ½ dia, se não for a algum museu)

Considerada Patrimônio Mundial pela UNESCO, caminhar pelas ruas de Valetta já é uma atração imperdível para quem quer ver um pouco da arquitetura de Malta. Ao chegar na cidade, você vai passar pelo “City Gate” e já estará na rua principal com lojas, restaurantes, a Catedral de St. John e a praça da República.

Não deixe de visitar o Upper Barrakka Gardens para ter uma vista das três cidades (Vittoriosa, Senglea e Cospicua). Diariamente, os canhões atiram em memória aos tempos de guerra.

IMG_5295

Na parte baixa do jardim está o Lower Barrakka Gardens com vista para as muralhas e o porto de Malta, onde atracam os cruzeiros repletos de turistas que visitam a cidade anualmente.

Mdina (Reserve ½ dia)

Sem dúvida, nosso lugar preferido em Malta. Tudo em Mdina é incrível, inclusive o silêncio. Entrar na cidade, proibida para carros, é fazer uma viagem no tempo. Por muitos anos, Mdina foi capital de Malta devido a sua posição e visão privilegiada. A cidade é toda murada, pois funcionava como um forte para evitar o ataque de invasores (infelizmente, muitas cidades de Malta são muradas, pois sofreram muito com a guerra).

Foto 16-10-13 10 31 40  Foto 15-09-13 11 31 25

Não deixe de visitar a loja de vidros de Mdina e de passar na Fontanella para assistir ao pôr-do-sol comendo algum de seus bolos e tortas. Sem dúvida, é o final perfeito para seu passeio.

Foto 15-09-13 12 25 28
Bolo de Ferrero Rocher da Fontanella

Red Tower (St Agatha’s Tower) (Reserve ½ dia)

Construída em 1647, era usada para fortalecer as defesas costeiras do norte da ilha. A torre permite uma visão da baía de Mellieha, Comino e Gozo. Hoje em dia é uma estação de radar para as forças Armadas de Malta.

Praias

Paradise Bay (Reserve ½ dia)

Ah, o nome faz jus à praia. É a nossa praia favorita. Bem pequena, com areia e ótima para snorkeling. Está situada ao norte de Malta, perto de Cirkewwa, onde se pega o ferry para Gozo.

snapseed-11

St. Petters Pool (Reserve 1 dia para fazer junto com Marsaxlokk))

Para os corajosos, St. Petters é o lugar ideal. Literalmente, uma piscina onde você pode pular, suas águas claras permitem que você enxergue tudo o que está abaixo do mar, mesmo a uma profundidade considerável.

DSC01866

Se você tem medo de pular, vai com medo mesmo. A Gi pulou e isso é o que eu mais me arrependo de não ter feito em Malta, mas tá na listinha pra quando eu voltar. Enquanto ela desafiava o medo dela, eu me aventurava pela parte de cima.

Foto 19-10-13 14 36 41
Foto por Junior Soares

Marsaxlokk

É uma vila de pescadores com restaurantes por toda a sua orla. É um bom lugar para almoçar com ótimo custo-benefício e vista para os “luzzus”, barquinhos multicoloridos usados pelos pescadores locais.

Aos domingos, acontece uma feira que vende de tudo desde roupas e sapatos até doces, frutas e peixes frescos.

WhatsApp Image 2017-06-09 at 09.23.32

Golden Bay, Ghajn Tuffieha Bay e Gnejna Bay (Reserve 1 dia para as praias)

São três praias uma do lado da outra e cada uma com a sua particularidade. Chegar na Golden Bay é super fácil, o local conta com estacionamento e quiosques. Com areia vermelha e agua azul (se tem uma coisa que você não enjoa em Malta é essa cor da água), é super procurada no verão.

Foto 27-01-14 12 06 49
Foto por Felipe Rangel

Para a Ghajn Tuffieha é necessário encarar 200 degraus, mas pode ir, porque vale a pena, principalmente se for no pôr-do-sol, um dos mais bonitos de Malta. Ela fica entre dois paredões e por isso, aparenta ser mais reservada. Mas não se engane, ela conta com aluguel de cadeiras e guarda-sol e um quiosque. É segura para banho, mas fique atento às correntes marítimas que são fortes nessa região.

foto-27-01-14-13-27-50-e1497146776437.jpg Foto 27-01-14 16 17 56

O nível vai complicando um pouco até chegar na Gnejna Bay. O acesso a essa praia é através de barcos ou subindo sua encosta e descendo por uma trilha íngreme. A visão vale a pena. Já era entardecer quando fomos, mas foi incrível.

Melieha Bay (Reserve ½ dia)

É uma das maiores praias de areia de Malta. Tem ótima infra-estrutura, facilidade de acesso e até um parque aquático. É ideal para crianças, devido suas águas calmas.

Blue Grotto (Apesar do passeio durar 30 min, reserve ½ dia)

Blue Grotto é uma passeio de barco pelas cavernas com guia. Em alguns pontos, a água chega a ser um turquesa fosforescente. No final, você ainda pode fazer snorkeling e ver os lindos recifes. Só tenha cuidado, pois a profundidade varia muito (tem áreas que chegam a 40 metros :O). O passeio dura 30 min e custa 8 euros.

Little Armier (Reserve ½ dia)

A baía de Armier tem duas praias, a Armier e a Little Armier. Está situada em frente à Comino, sendo possível até avistar a Blue Lagoon. Suas águas são claras quando não está na época das algas, que formam um contraste lindo. Tem boa infraestrutura com quiosques e aluguel de cadeiras e guarda-sol.

Foto 25-09-13 11 08 25
Little Armier

Anchor Bay (Popeye Village) (Reserve ½ dia)

Mais conhecida como Popeye Village, o local serviu de locação para o filme em 1980. Hoje, funciona como um parque temático com mini museus e apresentações inspiradas no filme. A praia onde está localizada é linda, cercada por dois penhascos, o local é ótimo para mergulho. No lado esquerdo da baía, existe uma Caverna completamente submersa onde os mergulhadores aproveitam as vistas deslumbrantes de dentro.

snapseed-13 img_2160

Badalação 

St Jullians (As noites em Paceville costumam terminar no amanhecer, todos os dias)

St. Jullians é o centro badalado de Malta, além de shopping, cinema e boliche, tem uma rua repleta de bares e baladas, a famosa Paceville. É ponto de encontro para estudantes e solteiros que gostam de festa.

Os restaurantes também são ótimos e agradam a todos os gostos, desde fast foods até lugares que servem pratos mais elaborados. Um dos nossos queridinhos é o The Avenue com um Carbonara excelente!

Não deixe de tirar foto no Love Monument, um símbolo de Malta com a palavra Love escrita ao contrário que se você tiver sorte consegue vê-lo refletido corretamente nas águas de Spinola Bay.

DSC01901.JPG

Sliema

Vizinha à St. Jullians e um pouco mais tranquila e reservada, a vida noturna de Sliema com ótimos restaurantes à beira mar. Você encontra qualquer tipo de comida a qualquer preço, com restaurantes que vão desde os mais baratos aos mais requintados.

Durante o dia, é possível aproveitar a praia e suas “piscinas”.

Foto 10-06-17 00 24 09

Café del mar (Reserve ½ dia, no entardecer)

Ao lado do Aquario Nacional de Malta (já fica a dica para quem gosta), está o Café Del Mar. É um bar e restaurante com um pôr-do-sol de tirar o fôlego. No verão, o lugar bomba com festas e muita agitação. No outono ou inverno, a entrada gratuito.

Foto 07-10-13 13 57 09

Buggibba (Reserve uma noite)

É um típico centrinho praiano com restaurantes e lojinhas de souvenires. Sua orla é linda, tem um calçadão para caminhada e coqueiros. É famosa também por seus cassinos e hotéis. É considerada a Paceville dos adultos.

DSC02071.JPG

Natureza

Dingli Cliffs (Reserve ½ dia)

É o ponto mais alto de Malta com 253m de altura. Tem uma vista espetacular para o mar e o pôr-do-sol.

foto-29-01-14-18-20-05.jpg

Buskett Garden (Reserve ½ dia)

É um das áreas mais arborizadas de Malta. Trata-se de um parque público onde acontecem os festivais de verão. Fica ao lado do Palácio Verdala, residência de verão do Presidente de Malta.

Foto 29-01-14 17 20 18

Igrejas

Catedral de St. John (Reserve ½ dia)

St. John foi um dos fundadores de Malta, por isso sua importância para o país. Sua Catedral fica em Valetta, e se por fora ela é simples, por dentro é de tirar o fôlego. Isso porque tem a vida de St. John e dos Cavaleiros da Ordem espalhadas por todo o seu teto. Com a arquitetura no estilo Barroco, seu altar é todo esculpido em ouro e pedras preciosas. A Catedral conta ainda com duas obras de Caravaggio, que depois de fugir da Itália, se tornou um dos Cavaleiros da Ordem.

Mosta (Reserve ½ dia)

Mosta é famosa por sua igreja, que detém a terceira maior cúpula do mundo, e que conserva uma bomba intacta da segunda guerra Mundial. Tudo aconteceu antes do começo de uma missa, cerca de 300 pessoas estavam aguardando na igreja, quando uma bomba atingiu a cúpula, caiu e rolou pelo chão. Ninguém ficou ferido e a igreja teve danos leves. Isso porque a bomba não explodiu.

foto-24-01-14-17-28-02-e1497144243603.jpg

Museus & Templos

Hypogeum Heritage Malta (Reserve algumas horas)

Esse templo é o único subterrâneo pré-histórico conhecido. Foi declarado como patrimônio mundial da UNESCO em 1980. Fica localizado em Paola. Para visitá-lo, é preciso comprar o ingresso com antecedência pelo site Heritage Malta, o preço é um pouco salgado,  ‎€30 para adultos.

Tarxien Temples (Reserve algumas horas)

O templo de Tarxien é um complexo de estruturas megalíticas construídas entre 3600 e 2500 aC. Tem as formas mais sofisticadas de arte, arquitetura e escultura, seus blocos de pedra trazem a representação de animais e de como era a vida naquela época.

St. Paul’s Catacombs (Reserve algumas horas)

Apesar de um pouco mórbido, este templo tem centenas de sepulturas com datas de tumbas do século III e constitui uma das primeiras evidências arqueológicas do Cristianismo em Malta.

Museum of Archaeology (Reserve algumas horas)

É um museu prático, pequeno e com informações importantes sobre a história da arqueologia na ilha.

Grand Master’s Palace (Reserve algumas horas)

Localizado em Valetta, este museu foi construído em 1571 e usado primeiramente pelos Cavaleiro da Ordem, depois como Palácio do Governador durante o período britânico. Hoje é onde fica a câmara dos Deputados e o escritório do Presidente da República de Malta.

Mergulho em Malta

Malta é um dos melhores lugares para mergulho do Mediterrâneo, devido a sua rica diversidade de vida marinha. Escolas de mergulho oferecem certificação para iniciantes e estão espalhadas pela Ilha. Se você tiver com um pouco mais tempo (e dinheiro disponível), não hesite em tentar.

Gozo & Comino

Já tem Post neste link aqui, se tiver com tempo curto dá pra fazer os dois no mesmo dia, mas se quiser aproveitar mais reserve um dia para explorar bem cada ilha.


 

É isso,

Caso você queira enviar seu roteiro pra gente dar uma olhada, fiquem a vontade! É só escrever para goprorole@gmail.com

 

Beijos!

Ná e Gi